Informações necessárias da tabela de Scoring

Para realizar a escoragem de novas observações você deverá importar para o sistema uma tabela contendo as novas informações. Lembre-se de levar em consideração algumas características do arquivo, sendo estas:

  • O arquivo necessariamente deve ser do tipo CSV.
  • O arquivo deve respeitar o limite de tamanho definido de acordo com seu plano.

Observação! O limite para tamanho de arquivo está de acordo com o plano contratado. Você pode alterar os limites para melhor atendê-lo. Para isso, entre em contato com nosso time comercial: comercial@datarisk.io.

 

No processo de escoragem, o sistema usa as variáveis finalistas com os novos dados para aplicar à regra criada durante a etapa de treinamento. Por isso, é extremamente necessário que a nova base contenha as mesmas variáveis das variáveis finalistas do modelo, inclusive com o mesmo nome, mas com novos valores. 

⚡ Se você quiser saber quais são as variáveis finalistas do seu modelo antes de inserir uma tabela para a escoragem, você poderá visualizar a lista na tela Analisar, aba Score Card do seu modelo.


Por exemplo, se a variável "municipio" é finalista, o arquivo a ser escorado precisa possuir esta variável. Se a variável estiver com um nome diferente, você poderá modificá-la. Para saber mais acesse o artigo "Como identificar variáveis finalistas não encontradas na tabela". 

Caso a variável ‘municipio’ não tenha sido escolhida como variável final no treinamento do modelo, não há necessidade dessa variável aparecer na base a ser escorada. Se estiver presente, não é necessário exclui-lá e não ocorrerá nenhum problema no processo de escoragem.